Mudando a sua letra na prática

Uma das duvidas que mais recebo é “como conseguiu mudar a sua letra?”. Normalmente temos a mesma letra desde que nascemos, e muitas vezes a mesma não agrada quando ficamos mais velhos. Embora não seja muito comum essa mudança, no ano de 2016 senti vontade de mudar a minha e segui algumas “regrinhas” para isso.

O post de hoje será bem direto com dicas práticas que eu usei para mudar a minha letra. Lembrando que não são universais então, pode ser que para alguém não sejam tão efetivas quanto para os outros, mas mesmo assim ainda serão úteis.

1- escolhendo um tipo de letra


O primeiro passo é você escolher que tipo de letra quer ter. Eu usei o pinterest para escolher, lá tem diversos ideias. Você pode escolher qualquer tipo de letra que quiser. Mas é importante que a foto esteja reta e visível para que você possa treinar.

2 – como começar a treinar

Depois de escolher o modelo de letra você deve imprimir a foto no tamanho que você gostaria que ficasse a sua letra. Se precisar pode imprimir 2 cópias, pois a folha desgasta quando você começa a treinar.

O segredo para mudar a letra é treinar muito. Você vai escrever em cima da letra da imagem , quantas vezes precisar para se habituar a letra. Depois disso, assim que tiver habituado com o desenho da letra, tente imitar ela em um papel anexo.

Nessa hora você vai ver que a letra não vai ficar igual a da foto, até por que você tem o seu modo de escrever, de segurar a caneta e tudo mais. O segredo é treinar até ficar com o formato que você se agrada.

3 – escrevendo com a nova letra

Depois de um tempo treinando, você vai ter que colocar em prática. Essa é a hora mais complicada, pois você vai começar a escrever com a letra antiga. Nesse momento é que você tem tendência de desistir, pois a escrita fica com a metade da letra antiga e metade da nova, mas não desista. Quando perceber que esta errando muito as letras, treine mais um pouco e depois volte.

É normal no inicio você escrever mais devagar, mas com o tempo você consegue acelerar a escrita. Além disso, a tendência é que demore alguns meses para que a nova letra se “firme” na sua cabeça, portanto é preciso ter consistência e paciência.

4 – usar canetas hidrográficas

A maioria das pessoas usam canetas esferográficas (tipo BIC), embora sejam bem mais baratas, a escrita é mais pesada e deixa a letra com aspecto falhado. A minha recomendação é usar canetas hidrográficas, estilo stabilo, pois são mais leves e deixam a escrita mais clara. Porém, ao usar essas canetas a atenção deve ser a gramatura do papel, pois pode transferir a tinta para trás. Gramatura 90 é o suficiente para que o papel possa ser usado frente e verso.

Abaixo mostro a foto do antes e depois da minha letra, para você ver que é possível fazer essa mudança.

E esse foi o post de hoje, tenho certeza que você vai conseguir mudar a sua letra com essas dicas!

Com amor,

Mile

Gostou? compartilhe com seu amigos!

O que achou das dicas? Deixe seu comentário

2 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *